Sobre essa coisa de sentir etc e tal

Ah, o coração! O coração fala.

É aquela velha história do pensar e do sentir. Existe diferença entre os dois verbos, bem sei. E é uma diferença que não se restringe à conjugação . É mais uma coisa de opinião e sentimento. Ambos, aparentemente inofensivos, podem render bons bocados de indisposição, quando entra em ação um outro representante da classe: o verbo verbalizar (permito-me a repetição involuntária). Procuro não falar aos quatro cantos o que penso para evitar confusões, já que as opiniões são quase sempre bem afiadas. E olha que aqui, confesso, pulsa sinceridade. Sempre me ative ao silêncio, também, quando o assunto é o que se passa lá nas entranhas, até então, inabitadas e indizíveis. Contraditório que sou, pensei que revelar, agora, seria oportuno, preciso e bom. Simplesmente bom, mas não. Retirei os bloqueios do caminho, verbalizei o sentimento, pensando estar fazendo o correto, e cá estou: mais aturdido e envolto de sensações estranhas, impossível. É isso.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em FALATÓRIO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s